Going "Bananas" with Dorie Greenspan / A ficar louca com a Dorie Greenspan

No seu perfil que podem encontrar aqui, a Dorie Greenspan intitula-se uma "autora de livros de culinária", cuja carreira andava longe das lides da cozinha até ter casado e descoberto esta paixão. Esta senhora já escreveu e ajudou a escrever quase tantos livros como tenho na minha estante (quase!!!) e trabalhou com nomes muito conhecidos, como a Julia Child. Aliás, quando leio uma das suas receitas, imagino-a assim uma pessoa muito austera e metódica, muito alta, antiquada e de pano na cintura, como é a Julia no filme "Julie e Julia". Nunca a imaginaria como se apresenta na sua foto de perfil (abaixo), de cabelo curto e óculos na cabeça, de ar super prático e a almoçar com o próprio David Lebovitz, que tirou esta fotografia!!

Mas voltando às receitas da Dorie, por vezes são mesmo difíceis. No Facebook junta-se um grupo que reproduz as receitas desta senhora, e decidi juntar-me a elas à cerca de duas semanas. :) O grupo é muito descontraído e dão uma boa ajuda!! Ora, por essa altura, a receita que tínhamos de experimentar eram uns caracóis doces com passas e rum. Dei por mim pela primeira vez a comprar rum no Supermercado e pior: como havia outra senhora a comprar rum, dei por mim a pensar se também seria uma "Dorie" (isto está mesmo a afectar-me!!!)!!!! Os ditos caracóis eram mesmo complicados de fazer e os meus não só sairam umas lesmas deformadas como também assaram tempo demais e ficaram pretos. Deliciosos, mas estorricados e deformados. Tive de aguardar por nova receita para me estrear nas Dories!


Desta feita, esta semana a receita era bastante fácil (Dorie, o que se passou contigo??). Levava banana e noz moscada e pareceu-me ser um daqueles bolos mesmo.... um daqueles bolos, sabem? A Dorie deixava a cobertura à escolha e imaginei um bolo recheado de natas e canela, lindo e alto e maravilhoso! OK, nesta altura já devem ter reparado pelas fotos que não foi isso que aconteceu. Pois, é que acordei mais cedo para fazer o bolo. Quando o meu amor acordou já este tinha saído do forno e arrefecia calmamente em cima da bancada à espera da sua voluptuosa cobertura. "Cheira tão bem! O que é que estás a fazer? Eu quero provar!!! Posso provar?".... Quem é que resiste a um pedido destes? Sei bem que há prioridades na vida e o meu amor, guloso pela manhã, é bem mais importante que a cobertura do delicioso bolo de banana da Dorie. E então ficou assim, simples, polvilhado de açúcar e canela, e delicioso, tanto que se comeu num instante e eu tive de quebrar a dieta... uma vez... ou duas... ou três!



"Lots of ways Banana Cake" - O bolo de banana de muitas formas
Dorie Greenspan, traduzido pela "Dorie" Susana Figueiredo

Ingredientes 
2 2/3 chávenas de farinha
1 1/4 colheres de chá de bicarbonato de sódio
1/2 colher de chá de sal
1/2 colher de chá de noz-moscada, ralada no momento
170 gramas (12 colheres de sopa) de manteiga sem sal à temperatura ambiente - usei apenas 150g e foi de creme vegetal
1 chávena de açúcar amarelo ou açúcar mascavado - usei meia chávena de ambos
3/4 chávena de açúcar branco
2 ovos grandes, de preferência à temperatura ambiente
1 1/2 colheres de chá de extracto de baunilha
2 colheres de sopa de rum ou de Malibu - usei rum
1 1/2 - 1 3/4 chávenas de bananas muito maduras, esmagadas (cerca de 4 bananas) (usei 3 bananas)
1/2 chávena de leite de coco não açucarado (pode usar-se normal, light ou, alternativamente, leite gordo, buttermilk, nata ácida ou iogurte natural) - usei light
1 chávena de coco ralado, de preferência tostado (ou igual quantidade de frutos secos, variedade húmida, como passas, alperces, arandos, mirtilios cerejas, ou combinação de coco e frutos secos) - usei côco ralado tostado na altura.

Preparação
Centrar um tabuleiro o forno e pré-aquecê-lo a 175ºC. Untar com manteiga duas formas circulares de 23 cm (5 cm de altura), polvilhar com farinha e sacudir o excesso. Colocar as formas sobre uma base para biscoitos.
Misturar a farinha, o bicarbonato, o sal e a noz-moscada.
Com uma batedeira de pé, de preferência com a pá (paddle attachment), ou com a batedeira manual numa taça grande, bater a manteiga até ficar cremosa. Adicionar os açúcares e bater em velocidade média durante uns minutos, acrescentando em seguida os ovos um a um e batendo bem entre cada adição. Juntar em seguida o rum e o extracto de baunilha. A massa ficará sedosa. Diminuindo a velocidade, acrescentar as bananas, o que fará com que a massa talhe (o que não tem problema, já que irá ficar bem com os restantes ingredientes). Ainda em baixa velocidade, acrescentar os ingredientes secos e os líquidos alternadamente: a mistura da farinha em 3 vezes e o leite de coco em 2 vezes, começando-se e acabando com os ingredientes secos. Misturar apenas até estar tudo incorporado. Com uma espátula de borracha, envolver gentilmente o coco. Dividir a massa uniformemente pelas duas formas. Levar ao forno durante 45 minutos ou até os bolos estarem num tom castanho-dourado profundo. Deverão começar a despegar-se do lado das formas e uma faca inserida no centro deverá sair seca. Transferir os bolos para uma grade de arrefecimento e deixar arrefecer durante cinco minutos, desenformar e inverter para outro tabuleiro até ficar à temperatura ambiente, com o lado direito virado para cima.

Sugestões

A Dorie sugere várias alternativas, seguem algumas: cobertura de natas frescas batidas com baunilha, rum ou Malibu e coco tostado OU creme de chocolate OU ganache OU embeber o bolo em xarope de rum OU polvilhar com açúcar em pó ou chocolate em pó, acompanhando com natas batidas ou gelado OU usar o bolo para fazer um sunday. 
Eu polvilhei apenas com açúcar em pó e canela e deixei o chantilly para outras núpcias!

[Sim, só tirei 2 fotografias... Desculpem, mas estávamos com pressa de ir comer mais bolo!!!! :P]

Beijinhos,
Raquel

4 comentários:

  1. Raquel, com açúcar e canela foi também como preferi! E o teu ficou muito bem! Beijinhos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ai Susana já tenho saudades deste bolo! :)

      Beijinhos

      Eliminar
  2. Está simples e lindo!

    Fica a "voluptuosa cobertura" para a próxima...

    ResponderEliminar